logo

AECT apresenta projeto de cooperação transfronteiriça Eurocidade Chaves-Verín 2020

19-12-2017

No passado dia 15 de dezembro, foi apresentado publicamente o projeto “Eurocidade 2020: a Eurocidade Chaves-Verín” como ferramenta de aproximação da Europa 2020 aos cidadãos. Este projeto foi aprovado no âmbito do Programa Interreg 2014-2020 (POCTEP), cofinanciado pela União Europeia, com fundos FEDER.

No ato de apresentação estiveram presentes o Presidente da Câmara de Chaves, Nuno Vaz, e o Presidente de Verín, Gerardo Seoane, bem como os representantes da Direção Geral de Juventude, da Participação e Voluntariado da Junta da Galiza e da Fundação Galiza Europa, por parte de Espanha e do Instituto Português de Desporto e Juventude e da Federação Nacional de Associações Juvenis, por parte de Portugal, que se constituem como parceiros deste projeto.

Para Nuno Vaz, Presidente do AECT Chaves-Verín “o projeto Eurocidade 2020 marcará as diretrizes estratégicas do próximo decénio, aproximando a Europa aos cidadãos, através de uma forte aposta na formação, no empreendedorismo e no desenvolvimento económico do território Chaves-Verín”.

O Diretor da entidade transfronteiriça, Gerardo Seoane, salientou que “estamos num momento de mudança, onde as prioridades passam por procurar soluções ao problema demográfico e de ordenamento do território. Este projeto ajudará na elaboração de estudos técnicos que permitam alcançar o nosso principal objetivo: transformar a Chaves-Verín numa Eurocidade sustentável, integrada e inteligente”.

O projeto, que tem uma dotação orçamental de 1 milhão e 775 mil euros e um período de execução máximo até 31 de dezembro de 2019, centra-se nas seguintes atividades:

- Reforço da cooperação institucional entre Chaves e Verín, baseado nos atores locais através de microiniciativas capazes de incrementar a cooperação entre os dois municípios, assim como as restantes entidades que a Eurocidade integra (Eixo Atlântico, Comitê das Regiões, Associação Europeia de Cidades Termais Históricas, Comunidade de trabalho Galiza-Norte de Portugal, Rede Ibérica de Entidades Transfronteiras, entre outras).

- Ampliação do espaço territorial de atuação do AECT, com a incorporação da Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega e a Mancomunidade de Verín.

- Desenvolvimento dos serviços técnicos e administrativos do AECT. Para tal será lançado um procedimento público de emprego, que permita dotar o AECT de recursos humanos especializados capazes de assegurar a execução dos projetos aprovados.

- Organização de ciclos de atividades de deporto, cultura e educação que permitam ter uma eurocidade mais inclusiva e participativa.

- Promoção de uma Rede de Postos de Turismo da Eurocidade. Será realizada uma restruturação dos serviços ao turista, dotando-os de recursos humanos especializados, uma imagem corporativa comum, elementos arquitetónicos de sinalização e boas-vindas à Eurocidade, materiais informativos e de promoção do destino, campanhas de comercialização do destino no exterior, apoio às empresas e PME’s do território para a promoção e comercialização de serviços turísticos, etc.

- Promoção de novos serviços no âmbito do cartão do Eurocidadão, ampliados aos municípios limítrofes da eurocidade. Entre os novos serviços estarão o cartão/porta-moedas, estacionamento, transporte, comércio, hotelaria, assistência em saúde, serviços sociais, turísticos e de lazer.

- Definição do Plano Estratégico urbano e integrado que permita definir as atividades a desenvolver no território nos próximos 10 anos. Este plano definirá o desenvolvimento urbano em todos os eixos de competências locais: transporte, mobilidade, meio-ambiente, participação do cidadão, infraestruturas, serviços públicos, serviços sociais, saúde, turismo, urbanismo, etc.

- Reforço dos serviços disponíveis na sede da Eurocidade: Balcão de Atendimento, Posto Transfronteiro de Informação Juvenil, local de ensaios, sala de conferências, Serviço Eures transfronteiriço, biblioteca local e a criação de um posto de informação turístico de fronteira. 

O Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Eurocidade Chaves-Verín é um agrupamento de municípios transfronteiriços com personalidade jurídica própria em Espanha e Portugal que tem como missão gerir de forma conjunta competências locais com o objetivo de promover a convergência institucional, económica, social, cultural e ambiental de todo o território de atuação.

 

web engineered by hostname.pt